sexta-feira, 19 de março de 2010

DIÁRIO DE BORDO


E cá estou eu, carioca perdida na paulicéia desvairada...
Engraçado pensar que a gente viaja, sai de casa, da cidade, do estado, mas traz o notebook e o celular e é como se quase nada mudasse.
Dados ou vidas portáteis?
Abro a página do meu blog, na mesma tela de sempre, e toda a noção de espaço material e real fica detonada, afe!
Mas firmando a transição de espaço:
São Paulo é algo, não?
Difícil amar, mas impossível odiar.
A Avenida Paulista com seu que de Berlim no ar...
Não me entendam mal.  Estou falando da largura, da altura do concreto imprimindo grandeza e superioridade em quem quer que passe.
Se a Al Qaeda quisesse, com certeza seria ainda mais fácil do que o Word Trade Center para se bombardear.
Esperem!
Calma!
Talvez eu esteja com certa... Dificuldade de me expressar.
Eu não detesto São Paulo!
Posso jurar!
Porém, é um alívio saber que amanhã estarei novamente perto do mar.
Quem me conhece deve estar pensando: cara de pau!
Defendo-me: apesar de não gostar de praia (durante o dia! De noite, sem sol para me torrar acho fantástico!) saber que ela está lá para mim é fundamental.
Volto a afirmar:
Eu não desgosto de São Paulo.
É dinâmica, moderna, incansável.
Vida noturna e cultural incomparáveis!
Pão e circo.
Comida, diversão e arte.
Sim, é real e absolutamente incrível e admirável.
Pretendo voltar sempre, desde que não seja para ficar.
Vou frisar: não tenho nada contra São Paulo.
Na verdade foi maravilhoso chegar a Congonhas sem precisar passar correndo pelo raio X para voltar a embarcar!
As paulistas por favor me desculpem, mas...
No Rio está o fundamental.
Antes de me xingar escutem, sei que irão concordar:
Aquilo que em 2009 eu ia para Santa Catarina buscar.
Cidade ainda mais maravilhosa agora, e realmente o meu lar.
Simplesmente por...
Minha gaúcha estar me esperando lá.

7 comentários:

  1. Olha que coisa mais linda, mais cheia de graça é essa escritora que vem e se entrega em palavras, num doce balanço a caminho do mar e do amor!
    beijos Di^^

    ResponderExcluir
  2. oii de novo!!!!!! amei seu texto,sinceramente ñ curto São Paulo não...acho muita muvuca,muito transito,muita gente, e onde tem muita gente az vezes dá muita confusão...rsrsrsrs...sem preconceito contra a cidade,tem seus pontos legais tbm,baladas,bares etc...mas independente do lugar,não há lugar melhor que o nosso lar...voltar pra casa é sempre bom,mesmo se estivermos em um hotel 5 estrelas em paris,não substitui a nossa casa...bjsss di!!!!

    ResponderExcluir
  3. A Espanha inteira que me desculpe, mas no rio está o fundamental!

    E, como vc, eu quero uma data de volta.
    Depois da minha namorada o que eu mais sinto falta é do rio, nao há lugar no mundo que se compare a beleza dessa cidade.

    Depois de ler esse texto a saudade apertou bem forte aqui.


    bjao

    ResponderExcluir
  4. Arrasou!!!
    Como estou sempre por SP, acabei por me identificar com muitas (pra não dizer todas) partes do texto.

    "Pretendo voltar sempre, desde que não seja para ficar."

    Essa então, descreve exatamente o que penso sobre Sampa. Haha

    Gosto de lá, desde que possa sempre voltar para o meu RJ, o nosso RJ.

    E gaúcha poderosa essa hein
    Tá com tudo elaaa

    Declaração linda, linda, linda.

    "O amor está no ar" pq não? Hehe

    Super beijo

    ResponderExcluir
  5. eu sou louca com são paulo... mas sinto falta do mar.

    quando voltar cutuca a gente

    ResponderExcluir
  6. Não sei todas as paulistas, mas eu te desculpo, sim. E te entendo. Eu mesma fico de saco cheio deste lugar aqui mas quando visito parentes no interior sei que não conseguiria mais viver sem a muvuca de Sampa. Quem sabe não vou pro Rio ?
    Mas não jura que vc não detesta São Paulo, botou até a Al Qaeda na história. kkkkkkkkk

    Beijo, com Osama e tudo.

    ResponderExcluir
  7. Diedra:

    Eu amo a cidade de São Paulo, mas desconfio que é só porque nasci aqui.Digo "desconfio" por que quando eu estava em Salvador percebi o quanto o mar me hipnotizava.

    ResponderExcluir

Deixe seu comentário, sua opinião é muito importante!