sexta-feira, 5 de março de 2010

AMADORA 2

 (DE VOCÊ TODOS OS SEGUNDOS...)
JÁ NÃO FLUTUO
TE PROCURO
E DESNUDO
PARTES DE MIM
POR VOCÊ DESPERTAS
COMO ACHAR PALAVRAS
QUANDO MEU MUNDO AGORA
É UM CARROSSEL 

VALSANTE
INEBRIANTE

ABSOLUTAMENTE VICIANTE 
SEJA SOPRO
BRISA
VENTANIA
NÃO RATEIO
NEM TITUBEIO
COM CERTEZA PLENA CONTINUO
(DE VOCÊ TODOS OS SEGUNDOS...)

3 comentários:

  1. Mulher especial mesmo essa Wind, hein ? Pra inspirar e merecer uma poesia assim...

    Lindo !

    Beijo !

    ResponderExcluir
  2. Mery,
    Ah, vc é a única corajosa que comenta poesia!
    eeeeeeeeeeeeeeeeeee
    Não é bom fazer muita propaganda, pra não aumentar a concorrência, sabe como é... kkk
    Mas eu não resisto...
    A Wind é...
    Bah!
    Minha amiga...
    Palavras são pouco, viu?
    BJ muito mais do que imenso!

    ResponderExcluir

Deixe seu comentário, sua opinião é muito importante!